DIA PERFEITO PARA QUALQUER CICLOTURISTA! – LITUÂNIA – EURO VELO 10 – CICLOVIA DO MAR BÁLTICO.

TEMPORADA LITUÂNIA

EPISÓDIO #1

DIA PERFEITO PARA QUALQUER CICLOTURISTA! CICLOTURISMO LITUÂNIA – EURO VELO 10 – LUGAR PERFEITO PARA VIAJAR E CURTIR A NATUREZA!

Nesse episódio mostro um pedaço da Ciclovia do Mar Báltico, a Euro-Velo 10, em um trecho que ela percorre o meio de uma floresta que além de proteger do vento e do sol, tem o chão repleto de cogumelos. Da colheita para a panela, em um dia perfeito para qualquer cicloturista! É muito legal compartilhar com você, um pouco do meu dia-a-dia!

A viagem ao redor do globo continua! Para adquirir um exemplar do livro NORUEGA BY BIKE, mande um e-mail para: atmagalhaesbybike@gmail.com , com o título: LIVRO NORUEGA BY BIKE, com seu nome, endereço de entrega e comprovante de depósito. Dados bancários: Aurélio Tanuri Magalhães CPF: 151.956.888.69 Banco Itaú Agência: 8482 Conta Corrente: 05369 4

DA CHINA PARA CASA BY BIKE, compartilhando a viagem enquanto ela acontece! Toda quinta-feira um novo episódio com dicas, curiosidades e o dia a dia de uma VOLTA AO MUNDO DE BICICLETA. Se inscreva no canal! Curta, compartilhe, comente! Seu envolvimento ajuda a me manter motivado! Para APOIAR o projeto e me dar aquela forcinha, conheça minha campanha de FINANCIAMENTO COLETIVO,: https://apoia.se/dachinaparacasabybike , as recompensas começam a partir de R$ 8 por mês.

Obrigado por me seguir!

Facebook: @aureliomagalhaesbybike

Instagram: @aureliotanurimagalhaes

Blog: http://www.atmagalhaes.wordpress.com

BAGAGEIRO QUEBRADO! CICLOTURISMO LETÔNIA – DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

TEMPORADA LETÔNIA

EPISÓDIO #1

BAGAGEIRO QUEBRADO! CICLOTURISMO LETÔNIA – DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

Riga, a capital da Letônia foi fundada a mais de 800 anos, é a maior cidade dos países Bálticos, com aproximadamente 700 mil habitantes, situa-se as margens do Rio Daugava, o mais importante do país. Assim como Tallinn, capital da Estônia, seu centro histórico também foi declarado Patrimônio da Humanidade pela Unesco, ostentando um belo conjunto arquitetônico, mesclando edificações medievais e Art Nouveau.

Aos sábados, acontece uma feira de rua com agricultores, produtores, artesões locais. É uma ótima oportunidade para conhecer um pouco da gastronomia e cultura local. Queijos, pães, geleias, defumados, embutidos, frutas, verduras, artesanatos, e apresentações de danças regionais e músicos locais. A feira também é um ótimo lugar para quem gosta de fotografar!

Alexandra, minha anfitriã via Warmshowers, além de me proporcionar hospedagem, me guiou pelas principais atrações da cidade! Deixo registrado aqui, meus sinceros agradecimentos a ela!

Na Letônia, a ciclovia do Mar Báltico, conhecida como Euro Velo 10, quando não é exclusiva, compartilha estradas secundárias de muito pouco movimento, tornando o pedal muito tranquilo e agradável. Minha única preocupação era achar um lugar protegido do vento para armar a barraca e ter uma noite tranquila.

Segui descendo rumo sul até chegar na entrada de Rucava uma cidadezinha com apenas 600 habitantes, em um trecho onde a pista estava em manutenção, com vários trechos sem asfalto, fazendo com que a bicicleta sofresse bastante. Aí, o bagageiro traseiro quebrou!

No supermercado, encontrei por pura sorte, o único mecânico capaz de soldar alumínio da região. E em pouco mais de 15 minutos a bike estava reparada.

A viagem ao redor do globo continua! Para adquirir um exemplar do livro NORUEGA BY BIKE, mande um e-mail para: atmagalhaesbybike@gmail.com , com o título: LIVRO NORUEGA BY BIKE, com seu nome, endereço de entrega e comprovante de depósito. Dados bancários: Aurélio Tanuri Magalhães CPF: 151.956.888.69 Banco Itaú Agência: 8482 Conta Corrente: 05369 4

DA CHINA PARA CASA BY BIKE, compartilhando a viagem enquanto ela acontece! Toda quinta-feira um novo episódio com dicas, curiosidades e o dia a dia de uma VOLTA AO MUNDO DE BICICLETA. Se inscreva no canal! Curta, compartilhe, comente! Seu envolvimento ajuda a me manter motivado! Para APOIAR o projeto e me dar aquela forcinha, conheça minha campanha de FINANCIAMENTO COLETIVO,: https://apoia.se/dachinaparacasabybike , as recompensas começam a partir de R$ 8 por mês.

Obrigado por me seguir!

Facebook: @aureliomagalhaesbybike

Instagram: @aureliotanurimagalhaes

Blog: http://www.atmagalhaes.wordpress.com

CICLOTURISMO ESTÔNIA – EURO VELO 10 – SENSACIONAL! DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO

TEMPORADA ESTÔNIA

EPISÓDIO #1

CICLOTURISMO ESTÔNIA – EURO VELO 10 – SENSACIONAL! DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

Tallinn, a capital da Estônia, possui aproximadamente 400 mil habitantes, cerca de 1/3 da população do país.

Fundada no século XII, é a capital mais antiga do Leste Europeu e a cidade medieval mais bem preservada da Europa. Embora moderna, com prédios envidraçados, grandes shoppings e wi-fi em boa parte da região central, é o centro velho (Old Town) a maior atração da cidade.

Cercada por muralhas imponentes do século XIV e XV, ruas sinuosas de pedras e escadarias formam um pequeno labirinto entre pátios animados por artistas de ruas caracterizados com vestimentas da época, igrejas medievais com torres majestosas e pináculos pitorescos, palácios barrocos, cafés sofisticados em estilo renascentistas, casarões clássicos, vilas em Art Nouveau, e o interessante gótico estoniano, tornando o passeio a pé interessante, único.

A atmosfera é completada com galerias de arte, cafés e restaurantes sofisticados, lojas de souvenires, e bancos em pracinhas arborizadas que são disputados todos os dias por milhares de turistas que chegam em sua maioria em cruzeiros marítimos.

A vista da parte alta da fortaleza também é bastante interessante. Torres e minaretes despontam entre telhados vermelhos com o mar e os enormes transatlânticos ao fundo.

Para completar, uma vasta rede de ciclovias conecta a cidade à parques, praias, florestas e cachoeiras nos arredores. A Estônia tem apenas 45.226 km², mais ou menos o mesmo tamanho do estado do Espírito Santo, é essencialmente constituído por planícies e seu ponto mais alto tem apenas 318 m de altitude. Possui mais de 1.400 lagos, 1.500 ilhas e 3.500 km de costa com baías, estreitos e enseadas. As florestas ocupam 47% do território, muito bem cuidadas e com vários pontos de apoio chamados RMK. Os RMKs oferecem uma estrutura simples de acampamento com lareira e banheiro. Alguns possuem água, mas é sempre bom se prevenir.

As ciclovias são de excelente qualidade, com boa sinalização, e quando é preciso compartilhar a via com os carros, o movimento nas estradas é bem baixo. Eu segui a rota Euro Vale 10, conhecida como Ciclovia do mar Báltico. O pedal foi um dos mais prazerosos que já fiz!

Em muitos pontos a ciclovia é exclusiva e em geral por estradas secundárias, passando por igrejas seculares, cruzando bosques e parques nacionais, margeando o mar báltico e lagos, e cortando cidadezinhas que parecem ter parado no tempo.

As quatro estações do ano na Estônia tem quase a mesma duração e são bem definidas, com maior precipitação exatamente nesta época, final de verão começo de outono! A partir de agora, os dias no hemisfério norte são cada vez mais curtos, fazendo a temperatura dos termômetros despencarem. As aves começam a rumar para o sul, as folhas das árvores começam a amarelar e a caírem, e eu, preciso correr para o sul para fugir do frio.

A viagem ao redor do globo continua! Para adquirir um exemplar do livro NORUEGA BY BIKE, mande um e-mail para: atmagalhaesbybike@gmail.com , com o título: LIVRO NORUEGA BY BIKE, com seu nome, endereço de entrega e comprovante de depósito. Dados bancários: Aurélio Tanuri Magalhães CPF: 151.956.888.69 Banco Itaú Agência: 8482 Conta Corrente: 05369 4

DA CHINA PARA CASA BY BIKE, compartilhando a viagem enquanto ela acontece! Toda quinta-feira um novo episódio com dicas, curiosidades e o dia a dia de uma VOLTA AO MUNDO DE BICICLETA. Se inscreva no canal! Curta, compartilhe, comente! Seu envolvimento ajuda a me manter motivado! Para APOIAR o projeto e me dar aquela forcinha, conheça minha campanha de FINANCIAMENTO COLETIVO,: https://apoia.se/dachinaparacasabybike , as recompensas começam a partir de R$ 8 por mês.

Obrigado por me seguir!

Facebook: @aureliomagalhaesbybike

Instagram: @aureliotanurimagalhaes

Blog: http://www.atmagalhaes.wordpress.com

CICLOTURISMO FINLÂNDIA – ONDE A BICICLETA É A ESTRELA! – DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

TEMPORADA FINLÂNDIA

EPISÓDIO #1

CICLOTURISMO FINLÂNDIA – ONDE A BICICLETA É A ESTRELA! – DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

Transporte público impecável, excelente níveis de qualidade do ar, baixo índice de criminalidade, incrivelmente verde e envolvida em políticas urbanas ecológicas, fazem de Helsinque, uma das melhores cidades do mundo para viver.

Com apenas 600 mil habitantes, a capital finlandesa ainda se orgulha por não sofrer com congestionamentos, e dispor de uma incrível malha de ciclovias que possibilita chegar de bicicleta em absolutamente todos os lugares da cidade em vias compartilhadas com pedestres. Cruzando parques, bosques, florestas, ruas e avenidas, as ciclovias incentivam seus moradores a usar a bike no dia a dia.

Aqui, motorista respeita ciclista que respeita pedestre e os dois compartilham uma via impecável! Eu prestei atenção e não achei nenhum buraco e nenhum desnível nas calçadas que chegou a incomodar. É lindo ver a cidade tomada pelas bicicletas!

Helsinque é sofisticada e cara! Mas em contrapartida, oferece em um simples caminhar suas melhores atrações. Um mix entre arquitetura moderna e tradicional, com belos prédios clássicos e lindas catedrais, combinam com o verde de avenidas arborizadas e parques espalhados por todos os cantos da cidade.

Em uma curta viagem de barco é possível conhecer a fortaleza de Soumenlinna, patrimônio mundial da Unesco, que é uma importante fortaleza construída para defender a cidade no passado. Hoje, além de abrigar um museu, cafés, bares e restaurantes, serve de moradia para um grupo seleto de moradores que aproveitam o visual de um lindo pôr do sol.

Um dos pontos mais visitados de Helsinque é o Monumento em Homenagem ao compositor Sibelius (1865- 1957). A estrutura construída com 600 tubos de aço ressoa como um órgão, e dizem que é possível escutar desde a singeleza de um passarinho ao imponente som de um trovão.

A viagem ao redor do globo continua! Para adquirir um exemplar do livro NORUEGA BY BIKE, mande um e-mail para: atmagalhaesbybike@gmail.com , com o título: LIVRO NORUEGA BY BIKE, com seu nome, endereço de entrega e comprovante de depósito. Dados bancários: Aurélio Tanuri Magalhães CPF: 151.956.888.69 Banco Itaú Agência: 8482 Conta Corrente: 05369 4

DA CHINA PARA CASA BY BIKE, compartilhando a viagem enquanto ela acontece! Toda quinta-feira um novo episódio com dicas, curiosidades e o dia a dia de uma VOLTA AO MUNDO DE BICICLETA. Se inscreva no canal! Curta, compartilhe, comente! Seu envolvimento ajuda a me manter motivado! Para APOIAR o projeto e me dar aquela forcinha, conheça minha campanha de FINANCIAMENTO COLETIVO,: https://apoia.se/dachinaparacasabybike , as recompensas começam a partir de R$ 8 por mês.

Obrigado por me seguir!

Facebook: @aureliomagalhaesbybike

Instagram: @aureliotanurimagalhaes

Blog: http://www.atmagalhaes.wordpress.com

CICLOTURISMO RÚSSIA – IMPRESSÕES GERAIS – DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

TEMPORADA RÚSSIA

EPISÓDIO #5 C

ICLOTURISMO RÚSSIA – IMPRESSÕES GERAIS – DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

A Rússia acabou sendo uma grande surpresa positiva! A começar por Moscou, que se revelou uma cidade moderna, organizada e muito bonita. Você pode conferir toda a temporada, clicando no link acima.

Foram 33 dias acampando ou na casa dos locais. Não precisei gastar nenhum centavo com hospedagem em mais de 1200 km pedalados. Em todos os lugares que passei, fui muito bem recebido. Seja com os membros do Warmshowers e Couchsurfing, ou nos encontros inesperados na beira das estradas mesmo com dificuldade de comunicação. O povo russo é totalmente diferente dos personagens carrancudos que acostumamos ver nos filmes produzidos pelos Norte Americanos. Generosos, sorridentes e no geral, muito amistosos.

A gastronomia, pelo menos nessa época do ano, é bastante diversificada. As sopas são servidas em praticamente todas as refeições, juntamente com o pão e o creme azedo. Também se consome muita batata, beterraba, repolho, e carne. Dizem que consomem muito cordeiro, mas na região que visitei a estrela foi o porco!

As estradas na Rússia, na sua grande maioria são seguras, com acostamento limpo e amplo. O trânsito é um pouco mais problemático nas proximidades das grande cidades. As estradas secundárias são bem tranquilas. Embora mais longas e sinuosas, são muito agradáveis nessa época do ano, com muita sombra e bons lugares para camping selvagens. Talvez por isso, não encontrei muitas ciclovias entre cidades, embora exista principalmente nos pontos mais movimentados. O único contra ponto das estradas é que não oferecem vistas devido as plantações e florestas de coníferas que bloqueiam o horizonte. Mas que por outro lado, ajuda a cortar o vento.

Geralmente as cidades grandes e médias possuem uma rede de ciclovias bastante interessante, que atendem bem aos turistas, embora os locais reclamam bastante da infraestrutura.

Nesta época, os dias também são mais longos, o que permite imprimir um ritmo mais moderado e ainda sobra tempo para desfrutar as surpresas do caminho.

No meus últimos dias no país, fiquei hospedado na casa de Gosha e mais uma vez tive a oportunidade de conviver com os locais. Passeamos em bicicleta, fomos conhecer algum dos lugares que fazem parte do cotidiano da família e é claro que rolou muita vodka ao lado da fogueira!

A viagem ao redor do globo continua!

Para adquirir um exemplar do livro NORUEGA BY BIKE, mande um e-mail para: atmagalhaesbybike@gmail.com , com o título: LIVRO NORUEGA BY BIKE, com seu nome, endereço de entrega e comprovante de depósito. Dados bancários: Aurélio Tanuri Magalhães CPF: 151.956.888.69 Banco Itaú Agência: 8482 Conta Corrente: 05369 4

DA CHINA PARA CASA BY BIKE, compartilhando a viagem enquanto ela acontece! Toda quinta-feira um novo episódio com dicas, curiosidades e o dia a dia de uma VOLTA AO MUNDO DE BICICLETA. Se inscreva no canal! Curta, compartilhe, comente! Seu envolvimento ajuda a me manter motivado! Para APOIAR o projeto e me dar aquela forcinha, conheça minha campanha de FINANCIAMENTO COLETIVO,: https://apoia.se/dachinaparacasabybike , as recompensas começam a partir de R$ 8 por mês.

Obrigado por me seguir!

Facebook: @aureliomagalhaesbybike

Instagram: @aureliotanurimagalhaes

Blog: http://www.atmagalhaes.wordpress.com

CICLOTURISMO RÚSSIA – A INCRÍVEL SÃO PETERSBURGO – DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

TEMPORADA RÚSSIA

EPISÓDIO #4

CICLOTURISMO RÚSSIA – A INCRÍVEL SÃO PETERSBURGO – DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

Fundada em 1703, por Pedro “o Grande”, São Petersburgo é a segunda maior cidade da Rússia com quase 5 milhões de habitantes.

Situada às margens do Rio Neva, foi a capital entre 1712 e 1918. No decorrer de sua história, São Petersburgo também foi chamada de Petrogrado e Leningrado.

São Petersburgo é um importante centro econômico, científico e industrial, com destaque para a construção de navios, aviões e armamentos bélicos.

Durante a 2ª Guerra Mundial, os nazistas invadiram a União Soviética e sitiaram a cidade, então Lelingrado, entre setembro de 1941 a janeiro de 1944. Com o cerco, os habitantes padeceram de fome e doenças que deixaram mais de 1 milhão de mortos.

A cidade se tornou incrivelmente verde, com centenas de parques, praças e jardins, que associado aos canais e pontes, que lhe renderam o apelido de Veneza do Norte, e seu incrível conjunto arquitetônico, oferecem uma atmosfera muito agradável à cidade.

A arquitetura histórica de São Petersburgo, é principalmente formada em estilo Barroco e Neoclássico do século XVII e XIV, e são listados pela UNESCO como Patrimônio Mundial desde 1991.

O Hermitage é um dos maiores museus de arte do mundo. Seu acervo contem itens de praticamente todas as épocas e estão distribuídos em dez prédios com fachadas lindíssima, com destaque para o Museu Russo, o Palácio de Mármore, o Edifico do Almirantado e o Palácio de Inverno, residência oficial dos Czares até a queda da monarquia em 1817.

A Praça do Palácio com a Coluna de Alexandre é uma grande referência política para os locais e turística para os visitantes. Outro lugar de destaque é a Ilha Zayachy, que abriga a primeira construção da cidade.

A Fortaleza de São Pedro e São Paulo foi erguida para proteger o país dos ataques suecos durante a Grande Guerra do Norte travada no início do século XVIII. A fortaleza atrai milhares de turistas todos os anos e tem como destaque a Catedral de São Pedro e são Paulo e suas torres que podem ser avistadas de vários pontos da cidade. A fortaleza também foi transformada em prisão política e ficou famosa por ter em seu calabouço um dos mais importantes personagem da literatura russa. O escritor, filósofo e jornalista Dostoiévski ficou confinado aqui por 8 meses antes de ser enviado a um campo de trabalhos forçados na Sibéria.

A Catedral do Sangue Derramado é uma igreja ortodoxa construída onde o Czar Alexandre II foi assassinado. As obras foram iniciadas em 1883 e finalizadas apenas em 1907. Um dos símbolos mais emblemáticos de São Petersburgo, sua arquitetura é denominada “estilo russo”, personificando o templo ortodoxo russo, com cúpulas, abóbodas, pilares, torres, campanários. As paredes cobertas por adornos elaborados e detalhados formam mosaicos com caráter festivo e sua decoração interna forma uma das maiores coleções de mosaicos monumentais da Europa.

São Petersburgo possui um excelente sistema de transporte público que inclui ônibus, bondes, trólebus, metrô, hidrofílicos e táxis aquáticos. No entanto se locomover de bicicleta nesta época do ano é surpreendentemente fácil, já que a cidade é compacta e incrivelmente plana. A malha ciclo viária não é lá essa coisas, se concentrando ao longo do rio Neva e por alguns corredores importantes da cidade. Mesmo assim é muito maior que a maioria das cidades brasileiras, se não todas, e os motoristas são muito mais cuidadosos. O ponto negativo é que as placas de transito estão escritas em cirílico e na sua grande maioria não são traduzidas para o inglês. Confesso que pedalar com o Tim, morador local, foi mais fácil que pedalar sozinho!

A viagem ao redor do globo continua! Para adquirir um exemplar do livro NORUEGA BY BIKE, mande um e-mail para: atmagalhaesbybike@gmail.com , com o título: LIVRO NORUEGA BY BIKE, com seu nome, endereço de entrega e comprovante de depósito. Dados bancários: Aurélio Tanuri Magalhães CPF: 151.956.888.69 Banco Itaú Agência: 8482 Conta Corrente: 05369 4

DA CHINA PARA CASA BY BIKE, compartilhando a viagem enquanto ela acontece! Toda quinta-feira um novo episódio com dicas, curiosidades e o dia a dia de uma VOLTA AO MUNDO DE BICICLETA. Se inscreva no canal! Curta, compartilhe, comente! Seu envolvimento ajuda a me manter motivado! Para APOIAR o projeto e me dar aquela forcinha, conheça minha campanha de FINANCIAMENTO COLETIVO,: https://apoia.se/dachinaparacasabybike , as recompensas começam a partir de R$ 8 por mês.

Obrigado por me seguir!

Facebook: @aureliomagalhaesbybike

Instagram: @aureliotanurimagalhaes

Blog: http://www.atmagalhaes.wordpress.com

CICLOTURISMO E WARMSHOWERS: DICAS PARA ECONOMIZAR COM HOSPEDAGEM – DA CHINA PARA CASA BY BIKE

TEMPORADA RÚSSIA

EPISÓDIO #3

CICLOTURISMO E WARMSHOWERS: DICAS PARA ECONOMIZAR COM HOSPEDAGEM – DA CHINA PARA CASA BY BIKE

Neste episódio dou dicas de como economizar com hospedagem através do WARMSHOWERS.ORG . Enquanto fazemos um passeio pela floresta em busca de “blue berries” (mirtilo) para fazer geleia na região de São Petersburgo na Rússia, dou dicas de como proceder para aumentar sua chance de aceitação ao solicitar hospedagem.

A viagem ao redor do globo continua! Para adquirir um exemplar do livro NORUEGA BY BIKE, mande um e-mail para: atmagalhaesbybike@gmail.com , com o título: LIVRO NORUEGA BY BIKE, com seu nome, endereço de entrega e comprovante de depósito. Dados bancários: Aurélio Tanuri Magalhães CPF: 151.956.888.69 Banco Itaú Agência: 8482 Conta Corrente: 05369 4

A CHINA PARA CASA BY BIKE, compartilhando a viagem enquanto ela acontece! Toda quinta-feira um novo episódio com dicas, curiosidades e o dia a dia de uma VOLTA AO MUNDO DE BICICLETA. Se inscreva no canal! Curta, compartilhe, comente! Seu envolvimento ajuda a me manter motivado! Para APOIAR o projeto e me dar aquela forcinha, conheça minha campanha de FINANCIAMENTO COLETIVO,: https://apoia.se/dachinaparacasabybike , as recompensas começam a partir de R$ 8 por mês.

Obrigado por me seguir!

Facebook: @aureliomagalhaesbybike

Instagram: @aureliotanurimagalhaes

Blog: http://www.atmagalhaes.wordpress.com

CICLOTURISMO RÚSSIA – ESTRADAS HOSPITALIDADE E CULTURA – DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

TEMPORADA RÚSSIA

EPISÓDIO #2

CICLOTURISMO RÚSSIA – ESTRADAS HOSPITALIDADE E CULTURA – DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

Os primeiros dias de pedal foram extremamente chatos. Pedalei em uma estrada movimentada, barulhenta, entre um corredor de floresta de coníferas que encobria o horizonte. Vista limitada, templo nublado, vento contra, relevo ondulado. Fui vencendo os quilômetros sem muita empolgação usando o excelente acostamento da via, sem praticamente nada para ver.

O ponto positivo foi encontrar membros do Warmshowers em várias cidades, me infiltrando na cultura local e quebrando o preconceito de que os russos são frios e não sorriem.

Em Vyshny Volochyok, me encontrei com Alex, um membro do Warmshowers que mora em Moscou. Ele veio pedalar comigo por dois dias. Viajamos quase 200 km em dois dias por estradas secundárias, entre florestas, lagos, rios e vilarejos. Almoçamos com sua família em uma típica casa de campo onde passamos a noite. Comida típica e deliciosa! Com destaque para o pimentão recheado de café da manhã.

Nesta época do ano as macieiras estão carregadas, e é possível achar vários tipos de frutas na beira da estrada.

No final do nosso segundo dia de pedal, nos encontramos com Alexey, outro membro do Warmshowers que mora em uma pequena cidade chamada Bologoye. Ele também possui uma casa de campo onde fomos passar o dia com sua família. Rolou um churrasco e banho russo, ou “banya”. Algo parecido com uma sauna rústica. Relaxante e revigorante, comum em todas as casas de campo do país.

De Bologoye até Valday, pedalei em uma estradinha secundária bem tranquila, beirando rios, lagos, florestas e cruzando algumas vilas abandonadas.

O monastério de Valday fica em uma ilha no meio do lago que banha a cidade. Com ajuda de Filipp e Nikita, de 12 e 14 anos, encontrei um ótimo lugar para acampar. Os meninos, depois que me ajudaram a levantar acampamento e tentar achar minhocas para pescaria, se deliciaram com um delicioso queijo cottage temperado que preparei para o jantar ao lado da fogueira.

No outro dia, os meninos apareceram e me levaram a feirinha da cidade, onde reabasteci meus suprimentos e segui viagem…Eu adoro encontrar locais pelo caminho, mas quando se trata de crianças, fico ainda mais feliz!

Muito provavelmente você nunca ouviu falar em Veliky Novgorod, uma pacata cidade com cerca de 200 mil habitantes. É uma das cidades mais antigas da Rússia e muitas das decisões políticas desse monumental país foram tomadas aqui. Fundada no século I, Novgorod foi o primeiro centro cultural, arquitetônico e artístico da Rússia. A primeira escola do país também foi fundada aqui, tornando-se o principal centro de alfabetização e publicações de livros da época. A cidade influenciou a pintura e a arte decorativa não só na Rússia, mas também em toda a Europa. Sua posição estratégica longe das fronteiras, e seu poderio militar avançado para os padrões da época, conseguiram preservar um complexo único de monumentos arquitetônicos e afrescos dos séculos XI ao XVII, como o mais antigo manuscrito russo, por exemplo. A primeira vez que a cidade sofreu sérios danos foi na II Guerra Mundial, fortemente bombardeada por mais de dois anos. No entanto, o governo russo se esforçou e conseguiu restaurá-la. Novgorod exala história! A Catedral de Santa Sophia por exemplo, é o mais antigo edifício russo. Erguida em 1045, está protegida pela mais antiga fortaleza russa, ou Kremlin. O Kremlin de Novgorod é mais antigo que o de Moscou, sendo citado pela primeira vez em 1044. Dentro do Kremlin, além da catedral, o conjunto de sinos de Santa Sophia, o Palácio do Arcebispo e o monumento em homenagem ao milênio recebem destaque especial. A cidade ainda possui vários museus com exposições das mais variadas, como joias, bordados, achados arqueológicos, pinturas, esculturas e manuscritos em casca de tronco de bétulas (árvores típicas da região). As águas do rio Volkhov passam lentamente ao lado da fortaleza, que com o sol de verão, trazem um charme todo especial a cidade.

A viagem ao redor do globo continua! Para adquirir um exemplar do livro NORUEGA BY BIKE, mande um e-mail para: atmagalhaesbybike@gmail.com , com o título: LIVRO NORUEGA BY BIKE, com seu nome, endereço de entrega e comprovante de depósito. Dados bancários: Aurélio Tanuri Magalhães CPF: 151.956.888.69 Banco Itaú Agência: 8482 Conta Corrente: 05369 4

DA CHINA PARA CASA BY BIKE, compartilhando a viagem enquanto ela acontece! Toda quinta-feira um novo episódio com dicas, curiosidades e o dia a dia de uma VOLTA AO MUNDO DE BICICLETA. Se inscreva no canal! Curta, compartilhe, comente! Seu envolvimento ajuda a me manter motivado! Para APOIAR o projeto e me dar aquela forcinha, conheça minha campanha de FINANCIAMENTO COLETIVO,: https://apoia.se/dachinaparacasabybike , as recompensas começam a partir de R$ 8 por mês.

Obrigado por me seguir!

Facebook: @aureliomagalhaesbybike

Instagram: @aureliotanurimagalhaes

Blog: http://www.atmagalhaes.wordpress.com

CICLOTURISMO RÚSSIA – BEM VÍNDOS À MOSCOU – DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

TEMPORADA RÚSSIA

EPISÓDIO #1

CICLOTURISMO RÚSSIA – BEM VÍNDOS À MOSCOU – DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

Neste episódio mostro quanto pesa minha bicicleta e equipamentos.

Me hospedei na casa de Nickolay. Um típico morador de Moscou, membro do WS e fanático por bicicleta. Logo que cheguei, Nicolay me apresentou a seus amigos e fomos dar um passeio. Conheci os principais pontos turísticos da cidade. Era domingo, pouco trânsito e clima delicioso.

Moscou possui aproximadamente 15 milhões de habitantes e se revelou muito diferente do que imaginava. Esperava uma cidade fria e cinza, com frota automobilística antiga e prédios caindo aos pedaços herdados da época comunista. No entanto, me deparei com um calor de 30°C, céu azul, uma cidade incrivelmente verde, repleta de parques, praças e lagos, limpa e organizada. Me surpreendi também com a frota de carros novos, com as fachadas coloridas dos prédios e com a quantidade de gente bonita nas ruas! Que mulherada linda!!! Como se diz no interior: Me apaixonei em cada esquina!

A Praça Vermelha é a principal atração da cidade. Lá encontra-se a Catedral de São Basílico, o Kremelin, o mausoléu de Lenin, o museu histórico, e um sofisticado shopping center.

A Catedral Ortodoxa de São Basílico é o símbolo da cidade. Construída em 1561, é Patrimônio Mundial da Unesco e sua arquitetura é única! Não existe nada similar no país. Parece um castelo de contos de fadas.

O Kremlin, residência oficial do presidente a mais de 2.000 anos, é uma fortaleza que abriga também museus, galerias, praças, monumentos e exibe uma arquitetura interessantíssima.

A fachada do museu é lindíssima! Seu acervo possui quase 2 milhões de objetos entre relíquias pré-históricas, obras de artes como quadros, esculturas, fotografias, documentos e tudo o mais.

O mausoléu abriga o corpo embalsamado do mais importante nome e fundador da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas. O corpo de Lenin (1870-1922) – ainda é visitado por milhares de Russos todos os dias. Lenin foi um líder que combateu a opressão popular da época e por isso é tão querido pela população.

Na verdade Moscou é um museu a céu aberto. Prédios com lindas fachadas, parques, igrejas, monumentos faz de qualquer passeio um deleite.

Visitei também o centro de exibições permanente de Moscou, o Panrusso, conhecido pelos locais como Parque Ostankino, que serve também como uma espécie de museu dos tempos da antiga União Soviética e parque de diversão.

Uma das atrações da cidade são as estações de metrô. Construídas por Lenim para homenagear os trabalhadores que por ali passam todos os dias, elas são um luxo, que mais parecem o hall de hotéis 5 estrelas. O sistema metroviário da cidade possui mais de 180 estações divididas em 12 linhas. Em uma manhã chuvosa, aproveitei para conhecer as mais famosas. Mais o alfabeto cirílico praticado no país proporciona um grande desafio. A Rússia é um dos poucos países que conheci que não traduz para o inglês. E isso dificulta até na hora de fazer compras no mercado, ou ver um cardápio, me obrigando a escolher os produtos pelas fotos. Também fui desprezado por algumas pessoas quando tentei me comunicar em inglês.

Minha bicicleta estava precisando de alguns ajustes e Nickolay me levou na bicicletaria de seus amigos onde consegui todo o apoio que precisei. A Kapibike bicicletaria, organizou uma mini palestra relâmpago onde tive o prazer de compartilhar por 2 horas meu estilo de viagem. De um dia para o outro juntaram 9 pessoas. Adorei a experiência de compartilhar e relembrar algumas histórias.

A viagem ao redor do globo continua! Para adquirir um exemplar do livro NORUEGA BY BIKE, mande um e-mail para: atmagalhaesbybike@gmail.com , com o título: LIVRO NORUEGA BY BIKE, com seu nome, endereço de entrega e comprovante de depósito. Dados bancários: Aurélio Tanuri Magalhães CPF: 151.956.888.69 Banco Itaú Agência: 8482 Conta Corrente: 05369 4

DA CHINA PARA CASA BY BIKE, compartilhando a viagem enquanto ela acontece! Toda quinta-feira um novo episódio com dicas, curiosidades e o dia a dia de uma VOLTA AO MUNDO DE BICICLETA. Se inscreva no canal! Curta, compartilhe, comente! Seu envolvimento ajuda a me manter motivado! Para APOIAR o projeto e me dar aquela forcinha, conheça minha campanha de FINANCIAMENTO COLETIVO,: https://apoia.se/dachinaparacasabybike , as recompensas começam a partir de R$ 8 por mês.

Obrigado por me seguir!

Facebook: @aureliomagalhaesbybike

Instagram: @aureliotanurimagalhaes

Blog: http://www.atmagalhaes.wordpress.com

CICLOTURISMO ÍNDIA – UDAIPUR E AS CONSIDERAÇÕES FINAIS – DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

TEMPORADA ÍNDIA

EPISÓDIO #12

CICLOTURISMO ÍNDIA – UDAIPUR E AS CONSIDERAÇÕES FINAIS – DA CHINA PARA CASA BY BIKE – VOLTA AO MUNDO

Neste episódio faço uma análise geral da Índia da perspectiva do selim da minha bicicleta e completo o giro pelo Rajastão.

Segui para Udaipur, ao sul do estado. Como já havia dito no episódio anterior, com a chegada das monções a chuva caiu forte durante toda minha visita, chegando a derrubar várias árvores. Com isso, não consegui ver muita coisa.

Conhecida como a “Veneza do Oriente”, Udaipur foi erguida às margens de vários lagos, fato que lhe rendeu a fama de ser a cidade mais romântica da Índia. Foi a mais compacta das cidades do Rajastão que tive oportunidade de conhecer. Também é a mais organizada e arejada, por estar entre as montanhas a 600 m de altitude.

Os restaurantes nos terraços dos prédios dão vistas para os lagos e contribuem para sustentar o ar romântico da cidade.

Udaipur ganhou fama com o filme “007 Contra Octopussy”, filmado em 1983 entre os palácios, vielas e arredores da cidade. Andar pelas vielas que margeiam os lagos e o City Palace, foi tudo que consegui conhecer.

O palácio é uma obra incrível! Ampliado por cada marajá que viveu ali, foi decorado em diferentes estilos, com 11 prédios encadeados e inúmeras salas.

Já era hora de voltar a Deli, afinal, estava na esperança de receber o aval e dar entrada na segunda e definitiva etapa do processo de emissão de visto para o Irã.

A viagem ao redor do globo continua! Para adquirir um exemplar do livro NORUEGA BY BIKE, mande um e-mail para: atmagalhaesbybike@gmail.com , com o título: LIVRO NORUEGA BY BIKE, com seu nome, endereço de entrega e comprovante de depósito. Dados bancários: Aurélio Tanuri Magalhães CPF: 151.956.888.69 Banco Itaú Agência: 8482 Conta Corrente: 05369 4

DA CHINA PARA CASA BY BIKE, compartilhando a viagem enquanto ela acontece! Toda quinta-feira um novo episódio com dicas, curiosidades e o dia a dia de uma VOLTA AO MUNDO DE BICICLETA. Se inscreva no canal! Curta, compartilhe, comente! Seu envolvimento ajuda a me manter motivado! Para APOIAR o projeto e me dar aquela forcinha, conheça minha campanha de FINANCIAMENTO COLETIVO,: https://apoia.se/dachinaparacasabybike , as recompensas começam a partir de R$ 8 por mês.

Obrigado por me seguir!

Facebook: @aureliomagalhaesbybike

Instagram: @aureliotanurimagalhaes

Blog: http://www.atmagalhaes.wordpress.com