Albânia: Depois da festa de ano novo, um difícil recomeço.

O ano começou!

Depois de passar o ano novo em festa com a mesma galera do natal, cada um foi para o seu lado! Eu, juntamente com os francceses Florian e Vincent, seguimos rumo sul, em direção a Grécia.

Foto oficial do ano novo: Paula, Vinent, Kiara, Florian, Hanna, Eric, Larissa, Eu, Marc e Renam.

Foto oficial do ano novo: Paula, Vinent, Kiara, Florian, Hanna, Eric, Larissa, Eu, Marc e Renam.

Apesar de ser um país montanhoso, pedalamos em estradas planas, com pouco tráfego, vento empurrando e temperatura entre 10 e 15°C. Quase nada para ver! Nos divertimos apenas com piadas e brincadeiras entre nós e com o comércio à beira da estrada. Peru, gado, peixe, frango, porco, azeitonas, azeite, mel, laranjas, mexericas, batata, alho, cebola e tudo o mais… Pequenos produtores tentando desovar suas mercadorias paras as festas de final de ano. Com características rurais, a Albânia é um dos países mais pobres da Europa, e quase 50% dos 3 milhões de albaneses vivem no campo.

 

Açougueiro trabalhando uma reis à beira da estrada.

Açougueiro limpando uma reis à beira da estrada.

 

Criador de peru, Albânia.

Criador de peru, Albânia.

 

Trabalhador rural albanês.

Trabalhador rural albanês.

 

Mulher albanesa.

Mulher albanesa.

 

Uma pausa para um delicioso aqui albanês.

Uma pausa para um delicioso caqui albanês.

Nos últimos 3 dias choveu. Usamos a estratégia de fazer poucas paradas e a nossa preocupação maior foi arrumar um lugar para acampar que nos desse condições de secar as roupas. Nem sempre conseguimos, já que a umidade do ar está muito alta. Sair do saco de dormir quentinho e vestir as roupas molhadas em um frio de 5°C não é fácil meu amigo!!!

Quase sem novidades, seguíamos nosso caminho tranquilamente até que ouço um barulho. Florian caiu da bike! Ele caiu no desnível entre a estrada e o acostamento, e ao tentar retornar para a estrada o pneu escorregou. Um carro que nos ultrapassava passou muito perto dele. Um susto que serviu para redobrar a atenção. Mas felizmente nada de mais grave. Florian também protagonizou o episódio mais crítico dos últimos 3 dias. Hoje, seu trailer quebrou. Ficamos na estrada por quase 3 horas, mas no final, com uma gambiarra, um mecânico conseguiu resolver o problema provisoriamente.

Meus amigos franceses Vincent e Florian colocando as coisas para sear depois de uma noite de muita uva na Albânia.

Meus amigos franceses Vincent e Florian colocando as coisas para secar depois de uma noite de muita chuva na Albânia.

Hoje começamos a escalar uma grande montanha e a temperatura começa a despencar à medida que ganhamos altitude. No geral a subida é longa e amena, com apenas alguns trechos curtos mais íngremes. No entanto são cerca de 200 km em um ondulado progressivo.

Agora estamos no quarto de um hotel em Gjirokaster, cerca de 30 km da fronteira com a Grécia. O quadro não é nada animador. Nenhum de nós está 100%. Minha barriga ronca, dando sinais de que algo está errado. Meus amigos Florian e Vincent estão febris e já vomitaram. Muito provavelmente água contaminada ou comida estragada. Também não descartamos uma virose.

Termino esse post apreensivo, pois não sei como será o dia de amanhã. É hora de descansar e ficar atento aos sintomas…

Não desse da garupa! Em breve, novidades!

14 comentários em “Albânia: Depois da festa de ano novo, um difícil recomeço.

  1. Paula Guimarães disse:

    Fuerza amigos! 2016 está apenas começando, bons ventos virão! Estamos aqui também sofrendo muito.. sofrendo de saudades de não ter voces por perto! Beijos no Florian e no Vincent e para vc tbm Aurelio!! Descansem e amanha acordarão melhor!

  2. Paula Guimarães disse:

    Esqueci de dizer.. as fotos estão incriveis!!

  3. Sueli disse:

    Faz parte do viver não é? Aqui, aí não importa. Um dia chuva, outro sol. Que bom que tudo passa. Já presenciou terremoto, morte. Vamo que vamo. Melhores dias virão! Beijosss

  4. Sergio disse:

    Feliz Ano Novo meu rapaz! Demore bastante sua volta, pois, seu país com p minúsculo está uma lástima! Espero que encontrem paz em sua trajetória! Procure visitar as Ilhas Gregas, são lindas! Não deixe de visitar a Sardenha, Secília, Capri, Malta quando de passagem pela Itália e Mediterrâneo. Deus o acompanhe e a seus parceiros! Good Luck my Dear. Abrs.

  5. Laerte Costa - 7 Lagoas MG disse:

    Issae meu caro, o caminho traz surpresas e desafios que só quem está nele pode dimensionar, daqui só um friozinho na barriga quando lemos e uma tremenda vontade de ler o livro, rsrs. Bom pedal, boa viagem, feliz 2016…17…18…19… feliz todo dia, Deus te proteja

  6. Alex Vallet disse:

    Hi Aurelio,
    A kiss to feel better and a message to your french friends :” Salut à tous les 2, bon rétablissement à vous, bonne route en Grèce! Quelle chance vous avez de pédaler avec Aurélio ! J’aimerais me téléporter depuis Riga et venir pédaler avec vous quelques jours…pour fuir les -23° que nous avons eu aujourd’hui! ”
    The best for you my friend!

  7. nonatanuri@hotmail.com disse:

    nossa filho que monte de tralha molhada !! que chato ter que colocar de novo na bike !! mas tudo deu certo nè os meninos sararam e tudo bem continuaram a viagem bjs saudade

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s