Reflexões: 2 meses na estrada

Deixei o hotel e estou na casa da Rosangela, mais uma brasileira que me acolhe. Almoçamos juntos na casa de Kjell. Antes fiz um passeio á praia com Caio, o filho de Rosangela de 9 anos.

Rosangela, Caio e Kjell


Praia em Tromso

A La Macchina vem se saindo muito bem. Vira e mexe o pára-lama dianteiro sai do lugar e raspa no pneu. Fora isso não há problema algum com a bicicleta.
Meu coração bate feliz!
A saudade mexe muito comigo. Me deixa sensível e vulnerável. Às vezes quase choro de bobeira. O nariz arde, os olhos umedecem e o cérebro emite aquele barulho de trovão informando a eminência de um choro. Passa logo! Na verdade até gosto de sentir essa emoção involuntária. Segundos depois me sinto bem… sempre com lembranças boas.
A cada dia que passa me sinto mais confiante. Percebo que a minha organização e planejamento vêm dando resultado no mínimo satisfatório. Pouca coisa me surpreendeu causando aborrecimentos. É claro que ainda tem muito pela frente e que algo errado pode acontecer. Principalmente com o cansaço de dias e dias de pedal. O fato da G12 ter caído, por exemplo, poderia comprometer seriamente a viagem tanto em termos de imagens quanto financeiramente. Sem dúvidas teria que comprar outra máquina fotográfica. Sempre digo que quanto mais se treina e se organiza, mais a sorte te acompanha.
Sinto que estou falando pouco sobre os noruegueses. Já tenho uma primeira impressão, no entanto, gostaria de adiar ao máximo um comentário para não cometer nenhuma injustiça ou exaltação sem merecimento. Muito provavelmente só vou falar deles no livro “Noruega by Bike”.
Gasto muito tempo pensando no que chamo de “A Retomada”. Como retornar a rotina de trabalho e o que fazer em paralelo á minha profissão. Começo a pensar no “jeitão” do livro e como me organizar para tocar a vida em frente. Com certeza terei muito trabalho pela frente.
Confesso que estou adorando compartilhar essa viagem. Estou muito feliz em ver os acessos no blog se multiplicando. Não esperava tantos seguidores. Outro dia um amigo me disse que esta acompanhando o blog como novela. Achei engraçada essa colocação! Legal!
Tenho recebido algumas críticas construtivas também. Aproveito o momento para dizer que é bem difícil escrever todos os dias e que não sou escritor. Guardo detalhes para o livro e no blog faço apenas um apanhado geral das histórias. Devo dizer também, que em alguns dias, escrevo sem a menor vontade. O que me anima e torna essa tarefa viável é saber que “você” esta me acompanhando. Estamos juntos! Obrigado pelo carinho e apoio!

Reflections: 2 months on the road

I left the hotel and I am staying at Rosangela´s house, one more Brazilian that has given me a lodge. We had lunch together in Kjell’place. Before I went for a walk on the beach with Caio, Rosangela’s 9 years’ old son.

Rosangela, Caio and Kjell

Tromso Beach
La Macchina is doing very well. Every once in a while the front fender gets out of place and scratches the tire. Besides this, there is nothing wrong with the bike.
My heart is beating happily!
I am very touched once I have been missing everyone so much. This makes me feel each time more sensitive and vulnerable… I feel like crying for just about anything. My nose burns, my eyes get wet with tears and I hear sound like a thunder from inside my brain advising me that I am about to cry. But this sensation swiftly disappears! In fact I even like to feel this involuntary emotion. Some seconds later I feel well again… but always carrying good memories.
Each day I feel more confident. I noticed that my organization and planning has been giving me, to say at least a satisfactory result. For a very few times, has anything surprised me as to cause me any annoyance. I know there is still a lot to come and that something can still happen. Especially due to the tiredness caused from days and days pedaling. The fact that the G12 fell, for example, could have seriously endangered the trip in terms of image as well as financially. Doubtlessly I would have had to buy another camera. I always say the more you get organized and the more you train, the more fortune follows you.
I feel am not speaking enough about the Norwegians. I already have a first impression, however, I would like to delay making a comment the most I can, not to make any injustice or be exalted without merit. I will probably only speak about it in my book “Norway by Bike”.
I spend a lot of time thinking about what I call “recommencement”. How to return to work routine and what to do in parallel to my profession. To start thinking about the “way” the book will be and how to organize and move myself on. One thing is for sure I will have a lot of work ahead.
I confess I am very happy to share this trip. I am happy to see the visits in the blog multiplying each time more. I didn’t expect so many followers. Another day a friend told me that he is following the blog like a soap opera. I thought the statement was funny! Cool!
I have been receiving some constructive critics too. I will take the chance to say that it is very difficult to write everyday and I am not a writer. I am keeping the details for the book, in the blog I only make a round up of the stories. I must also say, that for a couple of days, I have been writing with no will at all. What cheers me up and makes this task possible is to know that “you” are following me. We are together! Thanks for the affection and support!

19 comentários em “Reflexões: 2 meses na estrada

  1. Rosangela disse:

    Aurélio, está sendo um prazer enorme fazer parte de alguma forma dessa suas caminhada .. (que pra mim é muito louca)… prazer te receber em casa, bater um papo, trocar impressões sobre a Noruega.. Vc é um cara muito bacana.. te desejo muita sorte na sua caminha….beijão

  2. allex2501 disse:

    Um amigo não eu falei que é uma novela!

    Absss

    E para de chorar e pedala!

  3. Adriana disse:

    Concordo com o Alexx… É uma novela! Tem até hora certa para acompanhar…
    Já tinha pensado sobre como às vezes vc deve estar cansado e mesmo assim nos presenteia pelo menos com alguma foto! Obrigada! E ótimos pensamentos para você! Bjo

  4. Patricia Oliveira disse:

    Novela sem aqueles capítulos chatos , outro dia ficou sem net e voltou cheio de aventuras , parou 2 dias em tromso e dá-le imagens maravilhosas.. ainda tem comédia , drama , momentos água na boca …uma delícia , que venha o livro amigo querido !!! há obrigada pela lembrança , comemoremos e bebemoremos em 2 meses tá? beijão !

  5. Adriano Barros disse:

    Parabéns por estar vencendo este desafio, pela coragem e exemplo.
    Hoje é a primeira vez que entro em seu blog e já sei que serei leitor assíduo.
    Acho mesmo que quem viaja, conhece muito mais que lugares… a começar por nós mesmos. Muitas vezes é preciso ir pra longe, ficar sozinho e refletir muito para, de fato, nos conhecermos. Sem dúvida, viajar é um exercício de auto conhecimento fabuloso.
    Quando enfim descobrimos quem somos, o que valorizamos, gostamos e queremos, passamos então a começar a entender melhor o mundo. Quando viajamos e entramos em contato com outras pessoas, culturas, provamos novos sabores e sensações, passamos a enxergar e não apenas ver, ficamos mais atentos ao que e como as coisas acontecem ao nosso redor, descobrimos, repensamos, reavaliamos, entendemos.
    Parabéns mais uma vez e até amanhã!

  6. cynthia disse:

    Vc esta escrevendo cada vez melhor! E impressionante ver sua evolocao nesse tema! Parabens pelo sucesso do blog! Tbem estou curiosa para saber qual sera o novo projeto after o noruega by bike! bjs

  7. Helmer Hellebust disse:

    Hi Aurelio,
    Much better than any soap or reality series on TV, because you are real and make your quest to come through. I saw the picture of the light house in Andenes. This brings good memories for me. This is the locations where there is an air base, on which I served more than 10 years. I keep following you on the blog, and yes, I am glad you can enjoy the nice weather there. Stay safe.

    Warm regards

    HelmerH

  8. Juliana disse:

    dois meses de estrada e dois meses para 40 anos… Tudo já deu certo…lembra que o universo só conspira a favor? bjos

  9. Mauricio disse:

    Parábens pelas mais de 26.000 visitas. Fico muito feliz de estar participando dessa “novela”. Que legal que quase tudo está saindo como você planejou, afinal de contas você trabalhou muito por esse sonho. Quando paro para pensar em você e na sua aventura “louca” (no melhor sentido possível), um título de livro vem a minha cabeça… “Nunca desista dos seus sonhos”… continue sempre assim nos estimulando e nos alegranado com as suas histórias.
    Um grande abraço

  10. Rosangela disse:

    Olha eu aqui de novo… eu não me canco de ver sua foto do bukta.. já vi várias fotos de profissionail, mas a sua é espesial.. ADORO..
    beijão

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s