Ciclovia: ótima alternativa para fim de semana.

Ciclovia Parque Villa Lobos


Ontem fui dar umas pedaladas na ciclovia que vai do parque Villa Lobos até o parque do Ibirapuera, passando por dentro do parque do Povo.
Encontrei todo tipo de ciclistas. Muita família passeando e muita gente usando o domingo para relaxar e queimar algumas calorias. Como em todo lugar no Brasil que reune pessoas, fica nítida a falta de noção de alguns. Usando apenas uma faixa de rolamento, a ciclovia fica congestionada em alguns pontos, principalmente ao fechar o semáforo. Nada que com calma não se pode resolver… mas tem uns apressadinhos! Tem cara que quer treinar velocidade na ciclovia! Por favor! Não é o local mais indicado. Outros parecem ser proprietários da faixa. Pedalam em dupla, utilizando a faixa inteira, em uma velocidade de tartaruga e nem se quer olham para traz para ver a fila que se forma. Alguns ficam irritados com esse comportamento tomando atitudes que colocam em risco a sua própria segurança, saindo da área demarcada para ultrapassar.
Vi crianças de todas as idades e com as mais diferentes habilidades. Algumas aprendendo a andar de bike com aquela tremor característico refletido no guidão. Outras ainda pedalando de rodinhas e muitas andando em cadeirinhas sendo carregadas pelos pais. Ainda tem aqueles moleques da pá virada que saem cortando todo mundo! Em geral as crianças não oferecem riscos.

Bike na ciclovia


As bicicletas são um caso a parte. Muitas relíquias e modelos de todos os gostos. De vez em quando você cruza com um daqueles caras sem noção, que pedala em uma bicicleta totalmente fora do padrão para sua altura e peso. O cara pedala e parece que vai dar uma joelhada no queixo. Engraçado!
Achei super legal a iniciativa de ter staffs em todos os cruzamentos assim como cones protegendo a ciclovia. Em uma manobra repentina á minha frente, fiz um desvio forçado e meu trailer passou por cima de um cone e capotou. Foi um descuido da mulher que pediu desculpas! Tudo dentro do normal!
Em alguns pontos do trajeto existe pessoas prestando serviço de reparos nas bicicletas. A maioria dos problemas consegue ser solucionados ali mesmo.
Outro ponto positivo para quem quer passear no domingo de bicicleta é o trajeto. Só existe subida na saída do túnel, o restante do circuito é todo plano.
A dica para quem não quer apenas passear é usar a ciclovia logo de manhã. O transito é menor permitindo em alguns trechos uma pedalada mais forçada.
Faltam 18 dias para a viagem!

Bike lane: a great alternative for the weekend.

Yesterday I pedaled from Villa Lobos bike Lane to Ibirapuera Park crossing the Povo Park. I met all types of bikers. Families strolling, and people spending the Sunday to relax and burn some calories. As everywhere in Brazil where people gather, it is very clear that there is lack of awareness from some people regarding the use of just one of the break down lanes. The bike lane gets crowded at some points, mainly at the red traffic light. Nothing that wouldn’t be solved easily… but there are some impatient ones! There are guys who want to train speed in the bike lane! Please! It’s not the most suitable place! Others seem to own the place. They double pedal, using the entire lane in a “turtle speed” and not even looking behind to realize that there is a queue behind them. Some get pissed off because of this behavior and take attitudes that may put their own safety in danger by getting out of the limits to pass over others. I saw children of all ages with different abilities. Some learning how to ride the bike typically shaking and reflecting it to the handle bar.
Others still riding children’s bikes and on bike seats with their parents. There are also some naughty kids crossing in front of everybody! But in general children offer no risk.
The bikes are very unusual; many are antiques and models for all tastes. Every once in a while you come across one of those guys that don’t know exactly what they are doing, who are riding on a kind of bike that is completely out of the standards for his height and weight. As the guys pedal, it seems that they are going to hit their legs on their chin. Fun!
I thought the initiative of staff service in all intersections was cool, as well as the safety cones to protect the bike lane. In a sudden turn ahead of me, I had to bypass a cone and had no time to avoid it. My trailer ran over the cone and turned over. It was a woman’s fault and she apologized for it! Nothing special!
At some points of the route there is a bike repair service available. Most of the problems can be solved right there. Another positive point for the ones who want to ride on Sundays is the track. There is just a hill in the exit of a tunnel; all the rest of the track is flat. A tip for those who want to train is to use the bike lane early in the morning. There is less traffic so it’s possible to pedal harder. Still 18 days left for the trip!

2 comentários em “Ciclovia: ótima alternativa para fim de semana.

  1. Adriana disse:

    Fiquei impressionada com o movimento que tenho visto na ciclovia nos fins de semana!
    Bjo

  2. Certamente esta sua experiência deve ter lhe deixado mais ansioso para iniciar sua trajetória na Noruega… LIndas paisagens, frio, vento, mas o caminho deverá estar mais livre…risos
    Estamos contando os dias para acompanhá-lo nesta viagem. Abraços
    Eunice Abolafio

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s